Perdidos no hiperespaço

Comparativamente, a sensação de perder-se em grandes cidades ou em portais pode ser idêntica. Perda de tempo e frustração descrevem a aventura de vagar por bits desnecessários.

James Kalbach,2008, em seu esclarecedor livro, “Designing web navigation, optimizing the user experience“, procura estabelecer:

– Em que momento os usuários se perdem no hiperespaço;
– Modelos teóricos que ajudam a compreender como os usuários buscam por informação no mundo virtual e físico:

Nas suas palavras:

Theorical models of information seeking help explain how people find information by taking holistic look at the ways in which people hunt for information in their lives. Understanding them may not solve your immediate web design problems, but an awareness of their basic principles can help you understand broader navigation issues. (KALBACH, 2008 [1181, edição para kindle])

Segundo Steve Krug em Não me Faça Pensar (2005), algumas particularidades do mundo virtual não podem deixar de ser notadas, são elas:

Senso de escala: Não conseguimos medir o tamanho de um website navegando por ele;

Direção: Na internet, não temos senso de direção como direita e esquerda. Apenas hierarquias;

Localização: Comparativamente, quando visitamos um lugar físico, adquirimos conhecimento sobre onde estamos ou em que lugar as coisas se encontram. Na internet, navegamos e nos localizamos através de links. Para retornar à uma determinada página, precisamos relembrar nossos passos através da hierarquia conceitual do conteúdo.

Por esse motivo, o sistema de navegação é importante. James Kallbach (2008) elenca alguns motivos pelos quais os usuários se sentem “perdidos no hiperespaço”:

– As pessoas ficam desorientadas quando não entendem o conteúdo semântico;

– Usuários se perdem durante o processo de busca, chegando a um ponto onde não sabem qual o próximo passo;

– Usuários perdem o senso de localização no site, ficando incapacitados de voltar à página anterior ou a homepage;

– Divagação online: as pessoas se distraem e perdem o objetivo da busca, afinal, são tantas informações interessantes competindo por sua atenção.

Mas afinal, como procuramos por informação?

Podemos ir diretamente ao assunto. Entretanto, para assuntos complexos, o caminho pode ser longo e envolver diversos processos.

The immediate availability of additional resources allows people to change seeking strategies rapidly. They don’t always stay on course and may wander from page to page. They then get lost in hyperspace, which is one of the oldest problems in a hypertext system design. You need to keep this in mind when creating web navigation (Kallbach, 2008)

O professor David Ellis, da Universidade de Wales Aberystwyth, elaborou um modelo geral para o comportamento de usuários durante a busca por informação. Avaliando a maneira como cientistas de diversas áreas pesquisavam, Ellis elaborou um modelo que contempla seis categorias para a busca: Starting, Chaining, Browsing, Differentiating, Monitoring e Extracting. (Ellis, 1993, apud Chun, 2000).

A ilustração abaixo define cada etapa e compara com uma busca na internet.
Modelo comportamental de busca por informação (proposto por David Ellis)É importante notar que as categorias de Ellis para o comportamento de busca não apontam para um processo unidirecional. Ao contrário, as categorias podem acontecer simultaneamente e de maneira não linear.

To be continued 🙂

Bibliografia:
KALBACH, James. 2008. Designing the web navigation. Estados Unidos: O´Reilly, 2008.

CHOO, Chun Wei. DETLOR, Brian. TURNBULL, Dan. “Information seeking on the Web: An integrated model of browsing and searching“, First Monday 5 (2000). Disponível em: <http://firstmonday.org/htbin/cgiwrap/bin/ojs/index.php/fm/article/view/729> Acesso: 17 julho 2011.

Anúncios

Um comentário sobre “Perdidos no hiperespaço

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s